Direto de Buenos

         
Eu me mudei semana passada pra Buenos Aires (aqui o novo blog sobre a viagem), por isso demorei tanto para postar aqui. Mas ontem estava lendo o Clarín e encontrei um artigo muito interessante. Escrito por Mabel Burin, diretora de estudos de gênero da UCES, o artigo falava sobre como esta é a última geração de avós que deve apoiar as filhas no cuidado dos netos – com a intenção de deixá-las ter uma carreira fora de casa.
          Burin diz que apesar de todos os avanços na questão mulher x trabalho, ainda é largamente entendido que o cuidado dos filhos é papel dela. Então se ela quer trabalhar, além de acumular funções, tem que se virar para arrumar alguém (em geral outra mulher parente – avó, mãe, tia, irã) para cuidar dos filhos. Ou seja,  são as mulheres mais velhas que sustentam a carreira das mulheress jovens. Mas se as mulheres jovens de hoje quiserem manter suas carreiras no futuro, como a próxima geração vai poder sair para trabalhar sem esse apoio? Burin sustenta que a resposnabilidade pela edução e cuidado das crianças deve ser das mães, dos pais, e do Estado.  Você pode ler o artigo completo aqui.

Anúncios

Uma resposta para “Direto de Buenos

  1. bom, eu diria que a nossa geração já passa por isso. eu, pelo menos, passo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s