Arquivo da tag: Dilma Roussef

Ministras de Dilma na Marie Claire

Roberto Stuckert Filho/ Marie Claire

         A revista Marie Claire desse mês entrevistou as nove mulheres que são ministras do governo de Dilma Roussef. No site da revista dá pra ler todas as entrevistas. Além de falar um pouco de sua trajetória pessoal e de seus projetos nas áreas de atuação respectivas, as ministras responderam suas opiniões sobre a legalização do aborto.
         Na Folha de hoje (para assinantes) Fernando de Barros e Silva analisou a resposta das ministras sobre essa questão. Apenas duas delas responderam um efusivo “sim” quando perguntadas se são a favor da legalização do aborto, Miriam Belchior (Planejamento) e Ana de Hollanda (Cultura). As outras tentaram escapar da questão tabu respostas evasivas – sintomas, para o editorialista, de como essa discussão regrediu no Brasil.     
          Vamos colocar o aborto de novo em pauta?

Exposição mostra as mulheres da semana de 22

Abaporu, de Tarsila do Amaral, 1928

Anita Malfati e Tarsila do Amaral, principais representantes do modernismo brasileiro, são as homenageadas da exposição Mulheres, Artistas e Brasileiras que será inaugurada amanhã, em Brasília. Estarão no primeiro bloco da mostra, onde também poderão ser vistas telas de Djanira – uma delas fica normalmente no gabinete da presidenta Dilma Roussef – e outras de Zélia Salgado, Tomie Ohtake e Leda Catunda. Em outros sete blocos, pinturas, gravuras, fotografias, desenhos, tapeçarias, esculturas e objetos produzidos por  brasileiras ao longo do século 20.
 Mulheres, Artistas e Brasileiras Salão Oeste do Palácio do Planalto Praça dos Três Poderes, Brasília, DF. Tel.: (61) 3033-2929. De 24/03 a 05/05/2011. Entrada Franca.

Aliás, foi falando sobre essa exposição, e sobre a Djanira, que a presidenta cometeu uma leve gafe no programa de Hebe Camargo…

 

Mulheres no governo de Dilma

Hoje na Folha uma notícia que me deixa impressionada.  Dilma Roussef nomeou 75% mais mulheres que Lula para o segundo escalão da sua administração federal em seu primeiro mês de governo.
Até aí, tudo bem. Era de se esperar que uma mulher no governo fizesse isso mesmo – especialmente se levarmos em consideração que ela usou a questão do gênero a seu favor largamente durante a campanha.
O que me impressiona é que, mesmo com tamanho aumento, as mulheres ainda representam apenas 28,3% das nomeações (eram 16,2% no governo anterior).  São 68 no meio de 240 homens. Antes eram 44 no meio de 271.